15 de dez de 2009

Fundador do Facebook abre seu perfil para o público.



O fundador do Facebook, Marc Zuckerberg, mudou as configurações de privacidade em sua página pessoal na rede social para que suas informações estejam disponíveis para os amigos dos seus amigos. A partir de agora, suas fotografias e atualizações de perfil estão abertas a um público ainda maior. Antes de mudar a configuração, muito pouco se podia descobrir sobre Zuckerberg através do Facebook.
A iniciativa ocorre em meio a fortes críticas contra as mudanças nas regras de privacidade implementadas pela rede social que afetaram a forma como os mais de 350 milhões de usuários utilizam o site. No último dia 9 de dezembro, o Facebook anunciou as mudanças na configuração de privacidade através de uma mensagem de boas-vindas quando os usuários entravam no site. Em poucas horas, a rede social começou a receber críticas de pessoas que afirmavam conseguir acessar informações pessoais de outros usuários do site e diversos grupos se formavam com usuários insatisfeitos com as mudanças na administração do Facebook.
Enquanto o Facebook garantia que as mudanças realizadas ajudariam a gerir as atualizações que seriam compartilhadas com o público, os críticos insistiam que as mudanças "empurravam" o usuário a compartilhar suas atualizações com toda a rede. Também reclamavam que as informações dos usuários da rede ficava disponível através dos motores de buscas na web.
Esta onda de críticas obrigou a empresa a reconsiderar algumas mudanças. Segundo o jornal Financial Times, a rede social já não permitirá que as listas de amigos fiquem disponíveis para todos.
A mudança no status do fundador do Facebook, descoberta pelo blogger Kashmir Hill, do site True Slant, significa que a rede agora pode ter acesso a cerca de 300 fotos privadas de Zuckerberg. No início, Hill acreditou que as mudanças eram decorrentes de um erro e que Zuckerberg foi vítima do seu próprio sistema de privacidade.
Mas em uma atualização na sua página, Zuckerberg esclareceu que foi ele quem escolheu se deixar ver pelos amigos de seus amigos. "Para aqueles que se perguntam, configurei minha página pessoal do Facebook para que as pessoas pudessem me ver", escreveu. Zuckerberg também esclareceu que parte do conteúdo está configurado para que continue privado. "Mas não vi necessidade em limitar a visibilidade de fotos com meus amigos, familiares ou meu urso de pelúcia".



fonte: Terra

0 comentários:

Postar um comentário